A Hora do Banho

 

Ninguém agüenta conviver com um cachorro fedorento. Por outro lado a ida a Pets Shops para os banhos pode balançar o orçamento doméstico. Assim sendo, cabe ao dono manter seu cão limpo e cheiroso.

Não é muito difícil dar banho no seu cão, o necessário é ter paciência e escolher os produtos adequados. O filhote deve ser acostumado ao banho desde cedo, para que não desenvolva aversão a ele.

Antes dos 45 dias não é aconselhável dar um banho completo e sim a dita limpeza a seco. Ela é feita com produtos disponíveis em forma de gel e que contam com substâncias bactericidas. Sua aplicação é simples e pode ser feita com algodão ou toalha umedecida sobre o corpo do filhote. Durante o procedimento faça um agrado nele, dando um petisco, para ele ir associando o banho a alguma coisa agradável.

Caso haja necessidade de banhar o cãozinho antes dos 45 dias é recomendável levá-lo a uma clínica veterinária ou a uma Pet Shop de confiança para não oferecer risco aos filhotes.

Tem raças que adoram água, por exemplo, o Golden Retriever e o Retriever de Labrador.

A pele dos animais tem um Ph diferente dos humanos assim sendo só use sabonete e shampu indicados para animais. Deve-se ter cuidados com as orelhas protegendo com um chumaço de algodão para não entrar água. A água deve ser morna.

Após o banho deve-se secar muito bem a pelagem do cãozinho para evitar dermatites e de preferência use um secador de cabelo  tendo o cuidado de não aproximar muito o ar quente da pele e dos olhos.

Os cães de pêlo claro podem apresentar irritações e até lesões na pele se a secagem for excessiva.

É aconselhável dar banho de 15 em 15 dias e escovar duas vezes por semana (se o pêlo for curto, por exempo: Boxer, Fila Brasileiro, Fox Terrier e American Pit Bull Terrier) e todos os dias ( se o pêlo for longo por exemplo: Yorkshire, Golden Retriever, Afgan Hound, Shih-Tzu) para tirar os pêlos mortos.

Existe um shampu para cada tipo de pêlo. Nos cães de pelagem clara usa-se um shampu clareador que tira as manchas amarelas deixando o pêlo claro e macio. Deve-se evitar este tipo de shampu em animais de pelagem marrom ou preta pois vai deixar os pêlos ressecados.

Os cães que tem subpêlo: Akita, Husky Siberiano;Chow Chow e Collie devem receber cuidados redobrados. A escovação deve ser semanal mas os banhos são recomendados a cada 20 e 30 dias. Usa-se apenas um shampu neutro e não utilizar hidratante. A secagem deve ser mais cuidadosa. Vá abrindo os pêlos e secando muito bem.  Há quem prefira tosar um pouco a pelagem, inclusive a higiênica antes de dar banho.

Não use sabão de coco. O Ph (nível de acidez) da pele do animal é levemente ácido (entre 5,5, e 6,5) enquanto o Ph do sabão de coco é levemente cálcico (em torno de 8). Quando utilizado na pele do cão o sabão de coco muda o Ph ácido da pele para alcalino e a flora da pele pode reagir.

Nos cães de pêlo longo deve-se manter a escovação diária para desembolar os pêlos e após o banho aplicar um creme hidratante para o pêlo não ficar opaco e ficar mais fácil de desembolar.

Nos cães de pêlo duro, por exemplo: Fox Pelo Duro, Norfolk Terrier e Schnauzer deve-se aplicar, após o banho, um hidratante (não muito oleoso) nas franjas, barba e patas, mantendo a escovação (duas vezes por semana) de preferência com rasqueadeira e pente para evitar nós.

Os cães perdem pêlos diariamente principalmente no verão. Os cães de pêlo curto perdem mais do que os de pêlos longos. O que não pode ocorrer são falhas no pêlo e feridas na pele. Enquanto o pêlo estiver homogêneo é sinal que tudo está perfeito mas o aparecimento de crostas, lesões, quedas de pêlos localizadas e irregulares na pele indicam que algo está errado. Neste caso é necessária a ida ao veterinário.

Voltar